Watershed – Bacias hidrográficas

A drenagem fluvial é composta por um conjunto dc canais dc escoamento inter-
-relacionados que formam a bacia de drenagem, definida como a área drenada por um
determinado rio ou por um sistema fluvial. A quantidade de água que atinge os cursos
fluviais está na dependência do tamanho da área ocupada pela bacia, da precipitação
total e de seu regime, e das perdas devidas à evapotranspiração e à infiltração no solo.

As bacias de drenagem podem ser classificadas, de acordo com o escoamento global,
nos tipos:

a) exorreicas: quando o escoamento das águas se faz de modo contínuo ate o mar
ou oceano, isto é quando as bacias desembocam diretamente no nivel marinho;

b) endorreicas:  quando as drenagens são internas e não possuem escoamento até
o mar, desembocando em lagos ou dissipando-se nas areias do deserto, ou perdendo-se
nas depressões cársicas;

c) arreicas:  quando não há nenhuma estruturação em bacias hidrográficas, como
nas áreas desérticas onde a precipitação é negligenciável e a atividade dunária é intensa,
obscurecendo as linhas e os padrões de drenagem;

d) criptarreios: quando as bacias são subterrâneas, como nas áreas cársicas. A
drenagem subterrânea acaba por surgir em fontes ou integrar-se em rios subaéreos.

Leia mais:

 

foram identificadas 98 bacias elementares e 256 sub-bacias na cidade. No âmbito deste plano, foi calculado o chamado �ndice de Salubridade Ambiental (ISA). Ele tem como unidade espacial de análise cada uma destas 98 bacias elementares e 256 sub-bacias.

O município de Belo Horizonte se enquadra na Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas que, por sua vez, integra a Bacia do Rio São Francisco. Dentro do município, duas sub-bacias (Ribeirão Arrudas e Ribeirão do Onça) drenam a maior parte do território. Uma pequena parcela tem drenagem direta para o curso do Rio das Velhas. Internamente a estas bacias mais abrangentes, encontra-se uma rede complexa de ribeirões e córregos.
O que é uma bacia
Uma bacia hidrográfica é o conjunto de terras cujo relevo propicia o escoamento de águas fluviais e pluviais para um determinado curso d’água. A formação da bacia hidrográfica se dá por meio dos desníveis do terreno que orientam os cursos d’água, sempre de áreas mais altas para as mais baixas. Desta forma, cada bacia está limitada por uma formação de relevo que serve como “divisor de águasâ€? (áreas mais altas), determinando a orientação do curso a uma direção específica (áreas mais baixas).
A conexão entre os cursos d’água e a existência de diversos níveis de relevo determina a conexão entre bacias hidrográficas. Bacias menos extensas – ligadas a rios ou ribeirões menos extensos – se enquadram em bacias maiores. A drenagem destas flui para rios maiores dos quais